domingo, 1 de maio de 2011

Japanese Animation





A animação japonesa ganhou força pelas mãos de Osamu Tezuka nos anos 50. Embora Tezuka tenha se baseado nas técnicas Disney, o estilo desenvolvido por ele revolucionou o jeito de produzir desenhos animados e contribuiu para introduzir a cultura japonesa em todo o mundo.

O anime japonês corta custos e é conhecido como animação limitada, seu processo de produção reduz o numero de frames por segundos e explora a movimentação de planos para criar a sensação de que tudo está sendo animado. Para isso, os desenhistas de animes descobrem os melhores ângulos e poses dos personagens e mesclam essas imagens com cenários e diálogos. Deslizando imagens estáticas em tempos diferentes cria-se variações nas perspectivas e simula-se o movimento.

Os japoneses também exploram closes, imagens congeladas e cortes rápidos de cena. Os planos ficam oscilando em pequenos conjuntos de frames aumentando a ação e a fazendo com que o dialogo tenha mais fluidez.

Na última aula da disciplina de Animação Digital do curso de Jogos Digitais da UDF, mostrei aos alunos como construir uma cena simples de anime usando um personagem com 2 frames e mais três planos em diferentes níveis de camadas. Para esse exercício foram utilizados Adobe Photoshop e Adobe After Effects.

0 comentários:

Postar um comentário